sexta-feira, 6 de novembro de 2009

Nos tempos do Clube do Bloquinho

Capitão Aza
A campanha de lançamento do Aranha e Capitão foi realizada através de um encarte chamativo nas revistas Manchete, Fatos & Fotos e Amiga – que ainda englobava títulos como Super-Gato Félix e Bloquinho (com os personagens Escovinha, Porfírio, Buck Zé e Supermino) –, e adiantou aos leitores que os gibis de Hulk, Thor, Namor, Homem de Ferro, Tocha Humana e Mestre do Kung Fu também viriam na esteira. A excitação foi instaurada entre os fãs com as chamadas no programa infantil de Wilson Vianna, vulgo Capitão Aza, transmitido pela TV Tupi e patrono do “Clube do Bloquinho” (uma espécie de versão tupiniquim do fã-clube oficial dos Heróis Marvel de Stan Lee, o Merry Marvel Marching Society), com direito a pôsteres grátis para quem se filiasse ou abrisse uma conta-poupança nas agências da Caderneta Grande Rio, patrocínio a eventos esportivos, sorteio de revistas e o agendamento de visitas às escolas e espetáculos com o Capitão e sua turma nas cidades do Rio de Janeiro e São Paulo.

2 comentários:

Luma Rosa disse...

Flávio, você voltou a postar ou este é um novo blogue, que resgatou o antigo "Capitão Desliga".
Este resgate de tantos personagens que embalaram fantasias de algumas crianças e adolescentes, também ajuda a atual geração, a conhecer um pouco mais os personagens de outrora. Parabéns!

marcelo disse...

Ei, mas esse texto foi retirado de um artigo do jornalista e escritor ROBERTO GUEDES! Não seria o correto da sua parte creditá-lo?